quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

"Oui je peux"!

Macarons com recheio de creme de avelã e creme de limão

Não corro atrás de desafios, mas deparar-me com eles é inevitável. Eles nos impulsionam a buscar soluções, sair da zona de conforto e desenvolver habilidades.
Fui desafiada quando desejei fazer macarons. (Não é um desafio tão considerável se você não é fã de cozinha), mas para mim, foi demais.
Tentei fazer estas delícias francesas por três vezes e não consegui. 
Há inúmeros sites e vídeos ‘tutoriais’ e em todos eles um alerta: você vai conseguir depois de mais ou menos três tentativas. 
Os ingredientes não são tão fáceis de achar, as medidas precisam ser exatas, o merengue tem o seu ‘charme’, a massa o seu ponto ideal, é preciso descansar os biscoitos antes de leva-los para o forno e a temperatura tem que ser bem baixa. Que biscoitinho temperamental!
Uma das minhas missões nesta última viagem para Curitiba era encontrar a farinha de amêndoa (ingrediente essencial da receita). Meu cunhado e minha irmã me ajudaram nesta saga à procura do ‘ingrediente secreto’. 
Então hoje depois de ‘estudar’ atentamente as receitas, resolvi que era dia de tentar de novo! Como o desafio já estava instaurado eu acrescentei mais um nível de dificuldade: o corante. 
Fiz o mise-en-place e comecei o preparo da massa com toda minha expectativa. A aparência estava boa. Deixei descansar e coloquei no forno. Fiquei como criança extasiada olhando para ver o ‘milagre’ acontecer. E vi!
A base dos macarons se formou como deveria provando que desta vez eu acertei. 

Ah, eu sei! Para você esta postagem pode parecer coisa boba e infantil, mas se propuser a aceitar o desafio de fazer macarons, pode ser que reconsidere sua opinião.

Bon appétit!

Nenhum comentário: