sábado, 12 de março de 2011

'Eureka, Eureka!'

Gosto de recordar de alguns professores que buscavam agregar historietas em suas aulas com o fim de proporcionar um entendimento da teoria aplicada.

Tenho pensado sobre o “Princípio de Arquimedes” mais especificamente da lenda por trás da teoria quando o sábio grego finalmente concluiu seu raciocínio exclamando com entusiasmo a famosa expressão: ‘Eureka, eureka!’

Não é necessário dizer sobre sua descoberta. Seus princípios matemáticos estão presentes em nossa vida estudantil. Suas descobertas foram de muito valor científico o que tornava importante cada pronunciamento da palavra eureka.

Percebo que essa expressão tem ocorrido com muita freqüência nos últimos anos.

Porém, há de se questionar o valor agregado a essa expressão na boca de muitos indivíduos.

Muitos dizem Eureka quando encontram uma desculpa para pautarem suas faltas de decisões.

Outros gritam Eureka quando descobrem o defeito alheio para desviar o foco dos seus próprios defeitos.

Mas como seria bom se todos nós pudéssemos dizer Eureka com relação às descobertas das nossas próprias intenções, decisões e juízos.

Teríamos um mundo “grego” cheio de sábios e de belezas singulares.

Eu e você precisamos encontrar dentro de nós as razões que nos conduzem às nossas decisões.

Firmar nossos olhos naquilo que é reto; Objetivar nossas escolhas.

É fácil dizer Eureka quando nossos olhos estão analisando o que está do lado externo. Difícil é fazer o mesmo quando olhamos com o mesmo olhar crítico para dentro de nós.

Não jogue a culta pelo fracasso pessoal para outro indivíduo. Você é responsável por suas decisões!

Eu sou responsável por minha própria vida e nada do que está ao meu redor pode ser desculpa para que eu não alcance o meu objetivo.

Difícil, não é? Mas sabemos que é o correto.

Somos facilmente conduzidos a pensar que tem outro responsável pelos nossos fracassos. Porém o legítimo ‘Eureka’ agrega valor a outros e não desqualifica ninguém.

Podemos imitar Arquimedes na sua expressão?

Nossas exclamações de descobertas têm encoberto nossas falhas ou temos agregado algum valor aos nossos próximos?

É algo a se pensar!

quinta-feira, 10 de março de 2011

Tecnologia e Falta de Bom Senso

Muitas pessoas se encantam com a tecnologia mas deixam a desejar no que diz respeito a 'bom senso'. O que mais te incomoda?

terça-feira, 8 de março de 2011

Leitura para 'Sala de Espera'

Lembro-me da primeira vez que ouvi o CD ‘Deus de Promessas’ do conjunto Toque no Altar.
Pareceu-me que toda a sua mensagem havia sido escrita para mim.
Foi como um bálsamo ouvir cada uma daquelas canções e finalmente a mensagem do pr. Marcus Gregório. Promessas e Tempo...
Que mensagem prazerosa para ouvir, mas, difícil de viver. Não é?
Também gosto muito de outra mensagem que ouvi do Bp. Robert Lambeth sobre os sonhos de José. Ah! Tenho escutado essa mensagem tantas vezes!
Sonhos e Tempo...
Não é novidade que esses são temas recorrentes nesse blog.
No passar dos anos muitas pessoas têm realizado os seus sonhos espirituais; sentimentais; profissionais; materiais.
Porém outros...
Outros...
Continuam passando pelo teste do tempo. Sendo forjados no caráter. Fortalecidos na fé. Preparados na experiência...
Contudo, uma coisa é certa. O conselho de Deus permanecerá.
Independente de tempo. Independente de espaço. Independente de possibilidades.
Por quê? Simples!
Ninguém pode impedir o agir de Deus.
Refletindo sobre esse assunto termino de ler um livro.
Ele é pequeno, foi publicado na versão ‘de bolso’.
Recomendo a você que tem permanecido na condição de sonhador, apesar de tudo.

Da Cisterna Ao Palácio – Eleonardo Ribas.

Ouvi sobre esse livro e esperava que fosse bem maior, com muito mais páginas e escrita.

Porém, suas 87 páginas são suficientes para fazer despertar os sonhos que estão em nossos corações.

Grande abraço, caro amigo e leitor. É bom saber que você tem me dado um pouco da sua atenção para entrar comigo em reflexões sobre os temas dispostos aqui.

Obrigada pelo carinho!Tenha uma boa leitura!

08 de Março

'Dia Internacional da Mulher'

"A beleza é enganosa, e a formosura é passageira; mas a mulher que teme ao Senhor será elogiada."
Pv.31.30

segunda-feira, 7 de março de 2011

Matemática


"Se A é o sucesso na vida, então A = X + Y + Z, onde X é trabalho, Y é diversão, e Z é manter a boca Fechada."

Tenham Todos Uma Boa Semana!