sábado, 14 de fevereiro de 2009

Evidente prova de amor

Estava relendo a história de Rute e tentando compreender sua renuncia ao deixar para trás sua terra natal para acompanhar sua sogra.
Rute estava viúva. Noemi não tinha mais um esposo para que pudesse gerar um outro filho e ainda que tivesse, quanto tempo seria necessário para que ele se tornasse um resgatador?
Sabe, com nossa cultura e vida social é muito difícil entender os costumes e tradições antigas, mas, se nos esforçarmos entenderemos o quanto Rute amou incondicionalmente.
Ela conheceu sua sogra Noemi e nela encontrou grandes virtudes. Conheceu o Deus dessa família e encontrou nele esperança de vida. Ouviu as histórias de Belém e se apaixonou por essa terra estranha.
Fico aqui pensando como deve ter sido triste ver seu sogro partir e depois seu cunhado e esposo. Porém Rute ainda via esperança em sua sogra Noemi. Essa mulher não estava interessada em seguir sua sogra para obter um resgatador, não. Seu amor superava essa necessidade. Havia uma comunhão verdadeira nessa amizade, algo que Rute não encontrou em sua terra natal ao ponto que quando soube que sua sogra retornaria a Belém ela também soube o que deveria fazer. Era o momento de conhecer a cidade estrangeira que já havia tomado seu coração. Ela dispôs a se tornar uma belemita assim como já havia se disposto em ser serva do Deus altíssimo.
Chegando em Belém ambas foram logo uma atração. Quem era aquela que acompanhava a Noemi? Como ela se parecia com Noemi, sua expressão era como que de quem conhecia o Deus todo poderoso! Ela era virtuosa. Como poderia ser assim se era moabita? Simples, uma moabita, porém convertida.
Essa história termina com Rute casada com Boaz (um resgatador), um filho fruto desse relacionamento Obede, herdeiro para Noemi. Uma família lembrada pelo nascimento desse herdeiro e a evidente prova de amor.
Rute é tão honrada que o seu nome entrou para a genealogia de Jesus.
Lembramos com muito mais facilidade do rei Davi e nos esquecemos com muita freqüência de sua descendência. Davi nasceu porque a família de Noemi continuou e isso só aconteceu por causa do amor de Rute que tendo acompanhado sua sogra conheceu a Boaz e por causa dessa união veio Obede, que gerou a Jessé que gerou a Davi. E da descendência de Davi veio o messias.
Lemos, ouvimos e retemos as informações mais importantes da história. Porém, nas entrelinhas das histórias podemos absorver lições de fé e esperança.
Vale muito o tempo que você dedica em ler e ouvir a palavra de Deus. Conhecendo suas palavras pode conhecê-lo melhor. Não é perca de tempo. É lucro!
E você ainda perde tempo quebrando a cabeça e se perguntando: como? Se você ler a bíblia garanto que encontrará a resposta. Faça um teste. Boa leitura e comunhão com Deus!

3 comentários:

Anônimo disse...

Gracinha......
Amor incondicional!!!
o que devemos fazer para conhecer esse amor né??
"Conhecer e proseguir em conhecer"...
Bela reflexão!!!e abençoada tbem!
bjim
uma excelente semana pra vc na presença de Deus amada!!!!
Lú...

André Rodrigues disse...

Evidente prova de amor...!
Às vezes não dá pra entender algumas situações simples que vivemos, e aí começamos a procurar respostas...
Mas tomara Deus nos dê a graça de andarmos com ele, amando incondicionalmente, mesmo que isso vá provocar uma reviravolta na nossa vida, na cidade de Belém, para onde vamos ser levados, por causa desse amor. Lá com ctza encontraremos nosso RESGATADOR.

Fik com Deus na Paz do Senhor Jesus Cristo!

Josilene disse...

Realmente...não há nada mais importante do que ler e meditar na Palavra do Senhor, poir ´somente assim podemos conhecer e, mais ainda, prosseguir em conhecer ao Senhor. Isso é uma questão de valor, de busca, de sabedoria. Sojmente quando nos colocmos a disposição para lermos a Palavra de Deus , percebemos narrativas como a de Rute e muitos outros que nos inspiram a sermos mais fiéis ao Senhor, adorá-lo e, sempre, reescrevermos uma linda história de EVIDENTE PROVA DE AMOR!!!

Abraços